Tempo seco e atividades esportivas

Estamos passando por clima seco em grande parte do país e a atividade física e

esportiva que sempre incentivada por todos nós deve ter alguns cuidados específicos. Os

problemas decorrentes do tempo seco vão desde alergias diversas e respiratórias – como

consequência do ressecamento das mucosas (pode ocorrer sangramentos pelo nariz),

ressecamento da pele e irritação da conjuntiva dos olhos.

O esportista necessita da sudorese para evitar a elevada temperatura corporal, uma

decorrência normal de todo exercício físico, porém com a baixa umidade ambiental, o suor se

evapora rapidamente e não realiza seu papel de equilibrar a temperatura corporal, ocorrendo a

desidratação e a temida hipertermia com suas alterações patológicas físicas e mentais.

Uma das primeiras consequências é a queda de performance, pela dificuldade de

respiração nos esportes ao ar livre. Se você é o tipo de atleta que gosta de treinar em áreas

abertas - parques, praias, etc. - beba muita água e escolha horário matinal antes das 09h30min

/ 10 h.

Se for hipertenso ou diabético cuidado com os isotônicos, pois contém sal e glicose.

Para evitar a desidratação, prefira ambientes fechados, com sistema de umidificação. Caso

perceba qualquer sintoma no ouvido, nariz ou garganta durante o exercício suspenda a

atividade.

Preste muita atenção na intensidade do esforço físico, tendo o cuidado de não

ultrapassar seus limites. Vale um alerta também para os banhos, que não devem ser quentes,

dispensando o uso de buchas, porque as mesmas retiram a camada protetora da pele,

deixando- a ainda mais ressecada. Use muito hidratante pelo corpo

RECOMENDAÇÕES GERAIS do “Centro de Pesquisas Meteorológicas e Climáticas

em Agricultura da Unicamp”

Baixa umidade do ar: perigo de incêndio risco saúde humana

(NB usa-se escala empírica de umidade padrão pela baixa umidade relativa do ar):

Entre 20 e 30% - Estado de Atenção

 Evitar exercícios físicos ao ar livre entre 11 e 15 horas

 Umidificar o ambiente através de vaporizadores, toalhas molhadas, recipientes com

água, molhamento de jardins etc.

 Sempre que possível, ficar em locais protegidos do sol, em áreas vegetadas, etc.

 Consumir água, sucos e frutas à vontade.

Entre 12 e 20% - Estado de Alerta

 Observar as recomendações do estado de atenção

 Suprimir exercícios físicos e trabalhos ao ar livre entre 10 e 16 horas

 Evitar aglomerações em ambientes fechados

 Usar soro fisiológico para olhos e narinas e cremes hidratantes

Abaixo de 12% - Estado de emergência

 Observar as recomendações para os estados de atenção e de alerta

 Determinar a interrupção de qualquer atividade ao ar livre entre 10/16h, como aulas de

educação física, coleta de lixo, entrega de correspondência etc.

 Determinar a suspensão de atividades que exijam aglomerações de pessoas em

recintos fechados, como aulas, cinemas, etc. entre 10/16h.

 Durante as tardes, manter com umidade os ambientes internos, principalmente quarto

de crianças, hospitais, etc.


Nabil Ghorayeb

5 visualizações

Consultório Privado Ipiranga

R. Bom Pastor, n° 1163 - Ipiranga - SP

Horário de Atendimento: Segunda a Sexta das 14h às 18:30h

 Tel: (11) 2273-7311

Consultório HCOR

R. Abílio Soares, n°250, 3º andar -  Paraíso - SP

Horário de Atendimento: Terças e Quintas das 12h às 13h30

 Tel: (11) 3053-6611

  • linkedin cardiologista Nabil Ghoraye
  • facebook cardiologista Nabil Ghoraye
  • instagram Nabil Ghorayeb

© 2019 por Nabil Ghorayeb, Criado orgulhosamente por CDC Marketing

WhatsApp_Logo-Transparente.png